Seguidores


Assinantes

Seguidores

Artigos

Comentários

Estatísticas do Blog

A flor e a semente


A semente está mais segura do que a flor.
A flor é frágil; a semente é forte.
A flor pode ser destruída facilmente; a semente está protegida, segura.
A flor está exposta, uma coisa tão delicada e exposta a todos perigos, qualquer coisa pode acontecer a flor, mas a semente está sempre segura.
Por isso milhões de pessoas decidem permanecer semente; mas permanecer semente é permanecer morto; é não viver de modo algum.
Ela está segura, mas não tem vida. A morte é segura, a vida é insegura. A pessoa que realmente quer viver, tem que viver em perigo, em constante perigo. Aquele que quiser alcançar os picos mais altos tem que correr o risco de se perder, de cair de algum lugar, de escorregar.
Quanto maior o desejo de crescer, mais e mais perigo deve ser aceito.
Quem quiser viver verdadeira e intensamente tem que aceitar o perigo como seu próprio estilo de vida, como seu próprio clima de crescimento.

Autoria desconhecida

Não estamos violando nenhum direito autoral ao publicar esta reflexão, ao contrário, procuramos o(a) autor(a) para lhe dar os devidos créditos

1 comentários:

António Jesus Batalha disse...

Olá Léa, gostei de seu blog e desde já quero dar-lhe os parabéns, Sou Antonio Batalha portugues e gostava de lhe fazer um convite: Tenho um blog Peregrino e servo, e se desejar fazer parceria me deixava muito honrado em tê-la como minha amiga virtual, claro que vou retribuir. Obrigado e tudo de bom.

Postar um comentário